Países da Europa abertos para brasileiros

Uma das perguntas mais frequentes é: quais países estão abertos para brasileiros? Com a vacinação aumentando em todo o mundo, principalmente no Brasil, vários países estão reabrindo as fronteiras para os viajantes brasileiros.  Nossa equipe está de olho nas atualizações constantes que estão tendo, e iremos manter essa lista atualizada.

 

Países da Europa abertos para brasileiros

Albânia
Será necessário apresentar certificado de vacinação completa com pelo menos duas semanas antes da chegada. Caso não esteja vacinado, vale teste RT-PCR até 72h antes da chegada e/ou certificado de recuperação de Covid-19 há no máximo 6 meses antes da chegada.

 

Alemanha
Desde o dia 22 de agosto, brasileiros com vacinação completa contra a Covid-19, com pelo menos 14 dias, com os imunizantes da Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen podem  viajar novamente para a Alemanha a turismo.

Crianças que não possuem doze anos de idade e ainda não foram vacinadas poderão entrar apresentando um teste negativo RT-PCR ou de antígeno, acompanhadas dos pais ou responsáveis vacinados. Crianças que ainda não completaram seis anos de idade não precisam de teste.

É necessário realizar o registro digital de entrada. O comprovante de vacinação será exigido pelas companhias aéreas e pelas autoridades imigratórias, devendo estar em inglês, alemão, francês, espanhol ou italiano.

 

Andorra
Apresentar teste RT-PCR negativo para Covid-19 realizado com até 72h antes da chegada em Andorra . A quarentena é obrigatória no país, por 14 dias.

 

Armênia
 Apresentar teste RT-PCR negativo para Covid-19 realizado até 72h antes da chegada em inglês, armênio ou russo ou certificado de vacinação completa há pelo menos 14 dias antes da chegada (neste caso será realizado um exame RT-PCR na chegada, seguido de quarentena até o resultado, às custas do passageiro). As regras não se aplicam a menores de 1 ano.

 

 

Bélgica
Desde  1º de setembro,  brasileiros que estejam  vacinados  há pelo menos 14 dias podem entrar na Bélgica a turismo. As vacinas aceitam são Pfizer-BionTech; Moderna; AstraZeneca (Vaxzevria ou Covishield) e Janssen.

É necessário que o certificado atestando a vacinação seja emitido pelo ConecteSUS em inglês. Também é preciso preencher o formulário Public Health Passenger Locator Form e submetê-lo de forma eletrônica nas 48h que antecedem a chegada na Bélgica.

Na chegada é obrigatório realizar um teste RT-PCR no 1º ou 2º dia e aguardar o resultado em quarentena. Com informações da Embaixada da Bélgica no Brasil.

 

Croácia
Apresentar resultado negativo do teste RT-PCR realizado até 48h antes da chegada, preencher os formulários “Enter Croatia Form” (de forma online antes da partida) e “Passenger Locator Form” (a ser apresentado na chegada). Brasileiros viajando a turismo devem ter acomodação confirmada e estão sujeitos a quarentena obrigatória de 14 dias, que poderá ser reduzida mediante resultado negativo em teste RT-PCR no 7º dia de isolamento.

 

Espanha
Brasileiros totalmente imunizados com as vacinas Pfizer, Moderna, Janssen, AstraZeneca, Sinovac e Coronavac/Butantã não precisarão apresentar RT-PCR ou fazer quarentena.  A segunda dose ou dose única deverá ter sido aplicada pelo menos 14 dias antes do embarque. Também será necessário preencher o formulário Spain Travel Health. Depois de preenchido, basta apresentar o QR code no momento do embarque e na chegada à Espanha.

 

Finlândia
É preciso apresentar o certificado de vacinação completa das seguintes vacinas: Pfizer-BionTech; Spikevax ( Moderna); Vaxzevria (AstraZeneca); Janssen; Sinopharm; Covishield; ou Coronavac.

A última dose deve ter sido administrada há pelo menos 14 dias antes da chegada e o certificado de vacinação deverá constar nome, sobrenome, data de nascimento, nome da vacina, data das vacinações e confirmação de autenticidade (assinatura, carimbo ou outro tipo de comprovação).

 

França
Brasileiros totalmente vacinados podem entrar. Vacinas aceitas: Jansen, AstraZeneca, Covishield, Moderna ou Pfizer-BioNTech.

É preciso do documento comprovando a vacinação. No caso da Jansen,  precisa ter sido imunizado há pelo menos 28 dias antes da viagem. Já para as demais, a última dose deve ter sido aplicada com 7 dias antes da viagem.

Passageiros que tenham recebido a primeira dose da AstraZeneca, Covishield, Moderna ou Pfizer-BioNTech há pelo menos 7 dias antes da chegada, mas com infecção prévia por Covid-19 comprovada (laudo médico), também estão autorizados a viajar para a França.

 

Irlanda
Apresentar teste RT-PCR com resultado negativo realizado até 72h antes da chegada. Passageiros devem permanecer em quarentena de 14 dias, com reserva em um dos hotéis designados nessa a lista aqui, às suas custas. Passageiros totalmente vacinados com Pfizer-BioNTech há pelo menos 7 dias antes da chegada; com Moderna ou Janssen há pelo menos 14 dias antes da chegada; ou AstraZeneca há pelo menos 15 dias antes da chegada; ou ainda recuperados da Covid-19 nos últimos 180 dias com laudo médico, estão isentos da quarentena. Todos maiores de 16 anos devem preencher o formulário “Passenger Locator Form”

 

Islândia
Apresentar teste RT-PCR com resultado negativo, em dinamarquês, inglês, islandês, norueguês ou sueco, realizado até 72h antes do embarque. Necessário preencher o formulário “Preregistration for visiting Iceland” antes da chegada. Brasileiros devem ainda apresentar o comprovante, em dinamarquês, inglês, islandês, norueguês ou sueco,  de que estão totalmente vacinados há pelo menos 14 dias antes da chegada. Mesmo com a liberação, podem pedir teste RT-PCR no momento de chegada, sendo custeado pelo passageiro.

 

Portugal
A tão queridinha pelos turistas brasileiros reabriu as fronteiras em setembro. Para entrar na terra lusitana, é preciso fazer teste RT- PCR, com até menos 72h antes do embarque. Ou ter certificado de vacinação da União Europeia. Não é necessário quarentena.

 

Países da Europa abertos para brasileiros

Países da Europa abertos para brasileiros

 

República Tcheca
Desde de setembro os brasileiros que estejam completamente vacinados com uma das seguintes vacinas há pelo menos 14 dias podem entrar na República Tcheca a turismo: Pfizer-BionTech; Moderna; AstraZeneca (Vaxzevria ou Covishield) e Janssen.

É necessário apresentar certificado de vacinação (veja como emitir o seu pelo ConecteSUS em inglês. Além disso é preciso preencher o formulário “Entry Form antes da chegada.

 

Sérvia
Apresentar teste RT-PCR ou teste rápido de antígenos com resultado negativo realizado até 48h antes da chegada.  Recuperados da Covid-19 há no mínimo 14 e no máximo 180 dias, com laudo médico, estão sujeitos a quarentena de 10 dias na chegada e novo teste.

 

Suiça
Entrada de turistas imunizados há no máximo 12 meses com as vacinas Pfizer, Moderna, Janssen, AstraZeneca, Sinovac e Coronavac/Butantã não precisarão apresentar RT-PCR ou fazer quarentena. Entretanto, quem foi imunizado com  a vacina da Janssen deverá aguardar o 22º dia após a aplicação da dose única da vacina para o embarque. Passageiros recuperados da Covid-19 há até quatro semanas (com teste positivo para provar) podem entrar com apenas a primeira dose de uma das vacinas acima.

 

 

 

Deivson Santana

Capixaba de 28 anos, ama o Espírito Santo, mas adora desbravar lugares novos. É o tipo de viajante de gosta de conforto! Me acompanha no instagram: @capixabanaestrada.

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *